Buscar

Marketing Digital está sempre evoluindo. E você?

Atualizado: 12 de Abr de 2019

A evolução do marketing digital está sempre acontecendo. Desde sua publicidade comum em outros tempos até sua atividade no meio digital, o marketing nunca parou de evoluir. Mas agora, uma pergunta: e você?


É crucial que você, como empresário, esteja agora antenado com as tendências da tecnologia. Ter conhecimento e capacidade para lidar com os avanços que surgem é essencial para estar sempre pronto, de forma a competir no mercado.

Na verdade, estar a par dos últimos avanços do marketing digital é estar a par da sociedade. Se você não acompanha isso, você não existe – e se você não existe, você não vende!


A necessidade de estar sempre a par do marketing digital

A tecnologia digital está aí e isso é inegável. As mudanças na sociedade são guiadas por ela, se moldando aos avanços na informação e comunicação – e novos dispositivos móveis e até wi-fi promovem isso.

Dessa forma, o público se encontra no meio online e é praticamente uma segunda vida para ele. Para alguns, é sua vida em si. Essa conectividade faz com que muito do seu consumo se volte para o formato digital.

E o marketing digital evoluiu com isto – e você precisa evoluir também. Estar antenado com as tendências do mercado passou de detalhe para regra, pois não estar significa ser deixado para trás pela concorrência.

Nisso, contar com agência de marketing digital é diferencial, já que você se arma para alcançar o público – promovendo campanhas mais cativantes ao meio. A internet possui sua própria linguagem e a agência se molda a ela – ou melhor, já faz parte dela.

E o marketing e publicidade é justamente sobre isso: se adaptar ao canal de comunicação vigente e visar o futuro.


Olhando para trás: o passado do marketing

Em 1450, Gutenberg deu o primeiro passo para as revoluções na comunicação humana: com sua

prensa tipográfica, possibilitou produção e distribuição de textos em massa. No entanto, o potencial tipográfico para a publicidade começou a surgir no século XVIII.

Surgia então o Outbound marketing – e este potencial se acresceu quando no século XIX começaram a se tornar populares os outdoors. Esse método de comunicação era interessante e se revelou um bom custo-benefício na época.

Porém, no século XIX e XX, o rádio, a televisão e o telefone tomaram forma como canais de marketing (o telemarketing, por exemplo). Os rádios tinham bastante presença na sociedade americana, mas foi pela televisão que a publicidade alcançou destaque.

Por que? Porque a sociedade estava imersa na cultura televisiva, com o fato de que ter uma televisão era sinal de status. Em todos os pontos da história, o marketing existia onde o público encontrava-se em sua maioria.

E a sociedade então evoluiu para um meio digital – assim como o marketing.


De olho no agora: a presença do Marketing digital

Demorou um bom tempo para o marketing digital tomar forma: uma chamada de celular em 73, um computador pessoal da IBM em 81 (Apple em 84) e o boom da internet pessoal em 90.

Com esse encadeamento evolutivo, o marketing digital começou a ganhar corpo e evoluir, com inclusive surgindo o spam em 94 (o embrião do e-mail marketing). E com o avançar do tempo, as outras ferramentas começaram a surgir.

SEO, mídias sociais, vídeos, o Inbound Marketing, entre outros, apareceram para promover estratégias eficientes para as novas tecnologias. Afinal, os computadores pessoais foram se tornando cada vez menores e mais completos.

E nisso, a sociedade foi ficando então mais rápida – e o marketing digital precisava ser então mais adaptativo do que nunca.

Segundo Google, a pesquisa através de dispositivo móvel se torna mais comum (51% de usuários descobrem uma empresa ou produto através dele);

Segundo Ecommerce Platforms, vendas online baseadas no B2B tem crescimento estipulado maior do que o B2C;

Segundo Cisco, até 2020, vídeos se tornarão 82% do consumo digital;

Segundo Wordstream, 72% dos clientes que fazem pesquisa local passaram por uma loja próxima de casa.

E as mudanças constantes de comportamento do consumidor continuarão a acontecer, na mesma medida do avanço tecnológico. Isso requer que o marketing digital se adapte para o que estar por vir, sendo uma ferramenta que também visa o futuro.


Olhando para frente: Growth Marketing (e Hacking)

O Growth é uma metodologia que pode ser entendida como um dos próximos passos para evolução do marketing digital. Ele se volta para criação de campanhas e estratégias com intuito de melhorar o ciclo de vida do cliente no funil quando Growth Marketing.

Dessa forma, busca aplicar técnicas mais profundas voltadas para a experiência do cliente, melhorando fluxo de integração dos produtos, assim como plano de preços. Também se volta bastante para retenção do cliente!

Já quando Growth Hacking, se volta ao pensamento analítico para estratégias criativas que promovam crescimento rápido e contínuo da empresa. Se trata da melhora de performance empresarial através de “brechas” que a coloquem num estado de inovação contínua.

Dessa forma, o Growth, em geral, é capaz de implementar práticas criativas para empresa e produto através da análise profunda de dados. Assim, se oferecem resultados precisos e, principalmente, criativos.

Afinal, o próximo passo do Marketing Digital é o mesmo de sempre, mesmo que agora com o apoio da tecnologia avançada: é – e sempre foi – pensar fora da caixa.

Receba dicas valiosas para melhorar seu negócio.

Central de vendas de Curitiba:

(41) 9 9525-1373

Central de vendas de Cascavel:

(45) 9 9985-3365

CNPJ: 18.461.120/0001-51