Buscar

Se seu site é ruim, seu produto também é ruim

Atualizado: 12 de Abr de 2019


Ter um meio de divulgação para seu produto é algo essencial para uma empresa. Contar com um bom website, possível através de sites de publicidade, é importante, pois se ele for ruim, seu produto é ruim.

Não estou questionando a qualidade do seu produto, que pode ser o melhor do mercado. Na verdade, estou expondo a realidade de que a qualidade do site interfere na visão do público quanto ao produto.

Uma boa consultoria de marketing pode apontar isso – e quanto mais cedo perceber, melhor.


Publicidade e propaganda: qualidade de divulgação vende produto

Tudo que possui contato com o cliente ressalta ou ignora a qualidade do produto. Por mais que você se incomode com isso ou ignore, é fato – e o cliente leva em conta.

Afinal, a qualidade do meio de comunicação, seja visual, escrito ou falado, acaba criando a imagem do produto no consumidor. O nível de empenho aplicado na publicidade e propaganda de uma marca gera confiança por parte dele.

Aliás, a imagem da empresa tem o poder de falar por ela, sem que ela precise, pois traz valor. Se ela carrega modernidade, quando pensarem nisso, vão pensar nela. Se carrega segurança, qualidade, estilo ou qualquer outro pensamento, também.

E esses valores intocáveis se encontram em sua logo, no nome de sua empresa, na fachada de seu prédio, no banner, no cartão… Todos os pontos de contato montam o seu simbolismo no imaginário popular do Paraná.

Por isso, ressalta-se a importância de sites de publicidade e consultoria de marketing na montagem do conceito visual de uma empresa. Inevitavelmente, esse trabalho de publicidade e propaganda acaba tocando em seu site.


Os erros fatais de um site para o marketing digital

Seja qual for o meio de contato do cliente, é necessário publicidade e propaganda de qualidade para que ele ocorra. Por exemplo, os bots da Google conferem detalhes como otimização de texto, de imagens, formatação, responsividade, etc.

Todos esses detalhes são trabalhados por uma agência de marketing digital. O que ocorre quando esses detalhes estão em péssima forma? Um site ruim. E o que exatamente faz de um site ruim?


Péssima usabilidade

Não é exagero dizer que o usuário pode sair de um site no mesmo segundo que entrou. 40% das pessoas abandonam uma página se demorar mais que 3 segundos para carregar.

Se o conteúdo estiver disposto de forma confusa, sem haver fácil navegação entre páginas e a informação não estiver acessível, pior ainda. 46% de usuários móveis relatam essa dificuldade, com 44% dizendo que a navegação é difícil (a tal da responsividade).

É também importante que a agência digital trabalhe por um layout claro, com informações e cabeçalhos acessíveis. Afinal, isso tudo remete a usabilidade de um site – e esse aspecto se relaciona diretamente com a conversão do potencial cliente.

Nem todas as empresas realizam teste de experiência online para avaliar isso – e nisso se vão várias vendas…


Excesso de informação

Para chamar a atenção de um cliente, é importante que você possua informação que lhe seja útil. No entanto, é necessário atenção para não cometer um grande erro: jogar toneladas de texto e de imagens na cara do usuário, muitas delas inúteis ou até repetidas.

Não apresentar clareza na entrega da informação costuma ser uma ótima maneira de afastar o potencial cliente. Ele espera algo rápido e completo, ou seja, algo mais específico e que transmita de forma clara o que ele busca.

Tudo em excesso, com mal formatação, fonte e tamanho, gera uma imagem negativa da marca – e se combinar com usabilidade ruim, é fracasso na certa.


Péssimo visual

Um site chamativo é aquele que provoca boas reações no usuário, seja por sua escolha de cores, pela tipografia, pela sensação que provoca, etc.

Uma tipografia grotesca ou grosseira demais afeta muito na mensagem que você está passando e em como o usuário irá receber essa mensagem. Até o cabeçalho e menu entram na conta, podendo ser de um tipo quadrado que não confere “movimento” à página. Sendo direto, não se trata de um site fluído.

Afinal, tudo que é fluído chama atenção, assim como tudo que é grosseiro, causa repulsa.


A escolha de um péssimo nome

No processo de branding do meio digital, escolher um nome se trata de uma parte difícil. Não se trata só de domínio disponível, também deve carregar a visão da empresa, seu posicionamento, sua identidade e ainda levar impacto ao usuário.

Tamanha é sua importância que acaba influenciando até no ranqueamento do site nos mecanismos de pesquisa. Um domínio desalinhado com a figura da empresa mata seu contato com o cliente, afastando até mesmo os que se identificam com o produto.


4 pontos a se trabalhar com uma agência digital

O que pode ser trabalhado com a consultoria de marketing na melhora do site? Existem alguns detalhes pontuais, uns até interferindo na propaganda em geral, até mesmo a offline.


Boa resolução visual

É importante uso de imagens e vídeos com boa qualidade para apresentação do conteúdo, seja no banner principal do site ou em postagens.


Ranqueamento

Aqui é tocado o assunto de otimização do site, ou SEO, que envolve aprimoramento do texto através de: uso de palavra-chave, conteúdo completo, uso ideal de fotos e vídeos, utilização de CTAs, link building, design do site e sua usabilidade, etc.


Apresentação dos produtos

Os produtos devem ser dispostos de forma clara e entendível no site, com uso de imagens e vídeos com boa resolução que os apresente. Além disso, as informações referentes a eles devem estar acessíveis.


Indicação

É importante para o marketing online, em geral, demonstrar cases de sucesso da marca. Deixe disponível de forma clara o contato desses cases, de forma com que o cliente possa atestar a qualidade do produto.

Receba dicas valiosas para melhorar seu negócio.

Central de vendas de Curitiba:

(41) 9 9525-1373

Central de vendas de Cascavel:

(45) 9 9985-3365

CNPJ: 18.461.120/0001-51